Postagem em destaque

4 ª Festa Cigana que aconteceu na Casa da Mãe Pobre

Divulgação CMP Por (Eni) O evento produzido (06/10/08) pelo  Grupo Wal Hei  e seus Irmãos contagiou todos os presentes com uma festa...

Menu

Frase e citação de hoje:

quinta-feira, 12 de janeiro de 2017

Filantropia, caridade, descontração e muita alegria na Casa da Mãe Pobre

" Os bons tempos estão de volta. " 

Foto divulgação acervo CMP

14 jul, 2016 às 12:03
Por (Eni)

A Casa da Mãe realizou no ultimo dia 9, um Encontro Beneficente em prol dos serviços sociais prestados pela entidade.

Nem parecia um encontro filantrópico. Este simpático casal quebrou a rotina trazendo de volta a dança e o gingado dos velhos tempos ao som de boas músicas que lembra as “big bands” do túnel do tempo.

De bem com a vida, divertidos e animados, vovôs e vovós residentes na Casa da Mãe Pobre, fizeram acontecer um verdadeiro baile da saudade.

Como enfatizou o Diretor Financeiro Júlio Moreira, “um verdadeiro bailinho”.

Aqueles que acham que a vida após os 50 anos não tem mais importância, ao visualizar o vídeo compartilhado nesta pagina mudarão de opinião. É só descontração, alegria e muita dança. Jovens da  terceira idade embalados pela Orquestra Subúrbios do Rio, verdadeiros deleites sonoros para nossas orelhas cansadas de tanto ruído, voltaram aos saudosos tempos vividos em um  passado remoto, época de ouro das excelentes orquestras e melodias.

Deu até pra matar a saudade do  som de Glenn Miller,  quando se apresentavam tocando Moonlight Serenade.


Foto divulgação acervo CMP

“O evento foi um sucesso completo. Tivemos um concorrido bazar, uma brilhante palestra, uma orquestra de músicos da melhor qualidade, uma variedade de comidas típicas: caldo verde/feijão amigo/cebola com batata e um angu amigo também; sem falar na tradicional “barraquinha das delícias” com bolos, cocadas, pudins e a deliciosa canjica. Mais de cento e cinquenta pessoas lá estiveram levando carinho e solidariedade aos nossos vovôs e vovós. Foi uma tarde-noite perfeita, onde não faltou as bênçãos do plano espiritual para nos encorajar a seguirmos em nossos objetivo de fazer a caridade.

Um agradecimento especial a todos os funcionários do asilo de Jacarepaguá, que mais uma vez não mediram esforços para que tudo corresse às mil maravilhas”, conclui Júlio Moreira.

Aqui, tudo acaba em filantropia e alegria!

“A caridade é o processo de somar alegrias, diminuir males, multiplicar esperanças e dividir a felicidade para que a Terra se realize na condição do esperado Reino de Deus.” (Emmanuel)




Postagens populares

Arquivo do blog

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...